top of page

Leia aqui um trecho de "boneca de porcelana", de Marjorye Goulart:

 

Celine estava preenchendo a ficha de inscrição com seus dados, como de praxe, prestando atenção aos mínimos detalhes e demorando o máximo possível. Queria prolongar seu tempo naquela recepção da escola, para protelar, o quanto fosse possível, sua entrada na nova sala de aula.

          Já era a oitava vez que ela mudava de instituição em um período de seis anos, e por isso, a experiência de ter que se apresentar na frente de todo mundo, já estava encravada em sua mente como uma marca de ferro na pele. Mas não havia como fugir, aquilo era inevitável, assim como as reações das pessoas que a viam andando pelos corredores. Para piorar tudo, sua mãe, Carine, andava ao seu lado falando como uma matraca sem parar. Falava da vida da filha como se fosse a sua, não se preocupando se a garota ouvia tudo. Bom, já fazia tempo que Celine tinha perdido sua vontade de interromper a mãe, agora sua tática era só ignorar.

          Sua mão parou em uma linha da ficha, e ela olhou para a secretária que, com uma cara simpática, tentava não encarar a jovem com olhos julgadores. Era uma das melhores atuações que Celine tinha visto, por isso, fingiu não perceber os verdadeiros pensamentos daquela secretária.

boneca de porcelana, de marjorye goulart

R$ 50,00 Preço normal
R$ 45,00Preço promocional
  • Nascida em Joinville, Santa Catarina, Marjorye sempre foi uma pessoa mais reservada, preferindo os livros ao mundo exterior. Seu interesse a levou à carreia de psicóloga, e posteriormente, a levou ao hábito da escrita. Este costume, tornou-se rotina, e logo, incentivada por colegas da área, começou a compartilhar suas histórias vindo a ter mais reconhecimento. Atualmente, ainda trabalha na área de psicologia, mas também dedica grande parte de seu tempo às suas paixões, a pintura e a escrita.

bottom of page